Gratitude journal

(please scroll down for english version)

Diário de Gratidão

Junho chegou. O primeiro semestre está a acabar. Como é que passou tão rápido? A questão é, eis uma excelente ocasião para fazer um balanço semestral das nossas resoluções de ano novo. Como vão elas?

MaP_gratitude journal_4

Se esta simples questão vos desperta agonia, porque acabaram de concluir quem nem sequer se lembram de quais eram as vossas resoluções, não se preocupem. Se já não se lembram delas, é porque provavelmente não eram verdadeiramente importantes, pelo que não há qualquer problema em abandoná-las.

Por outro lado, se se lembram bem delas, mas desistiram de tentar realizá-las ainda antes do fim de Janeiro, não fiquem frustrados. Isso provavelmente aconteceu porque eram inatingíveis à partida, e um objetivo inatingível nunca é motivante.

No final de contas, mais do que o que conseguimos, a pergunta crítica é se isso nos fez felizes. E se não fez, nada de lamentos; há que pôr mãos à obra para mudar essa situação. Afinal, ainda temos metade do ano para o conseguir! 🙂

MaP_gratitude journal_7

E para evitar stress desnecessário no que diz respeito a resoluções e objetivos, tenho um conjunto de regras de ouro simples e úteis:

  • Se algo não nos faz feliz, há que abandoná-lo. A vida é demasiado curta para alimentar aborrecimentos.
  • Sermos positivos, porque um espírito positivo é meio caminho andado para o sucesso e a felicidade.
  • Não sermos condescendentes connosco próprios; sermos arrojados nos objetivos e desafiar-nos a chegar mais longe.
  • Mas por outro lado, não sermos demasiado duros quando demos o nosso melhor, ainda que tenhamos falhado. Sermos gentis e compreensivos, porque quando estamos em baixo é disso que precisamos.
  • Não nos compararmos com os outros, em vez disso comparar-nos com a melhor versão do que queremos ser. Isso mantém a nossa energia focada no que é importante.
  • E acima de tudo, lembrar-nos das nossas conquistas e sermos gratos pelo que conseguimos. Isso dá-nos força para seguir adiante.

Dado que a minha resolução de ano novo está bem encaminhada, estou agora a escrever um diário de gratidão, para celebrar as coisas boas que aconteceram, e capturar as aprendizagens das coisas menos boas. Experimentem, se quiserem. No final vai tornar-se num resumo positivo do vosso ano 😉

MaP_gratitude journal_2

______

Gratitude journal

June has arrived. The 1st half of the year is nearly gone. How come it went so fast? The point is, it’s a great time for our mid-year review regarding our new year resolutions: where do they stand now?

MaP_gratitude journal_5

If this questions makes you agonize, because you just realized that you don’t even remember what your new ear resolutions were, don’t panic. If you forgot, is probably because they weren’t truly important to you, so no problem in letting them go.

Or if you do remember them well, but stopped trying to accomplish before the end of January, don’t be frustrated. That’s probably because they were far out of reach, and an impossible goal is never motivating.

Bottom line is: more important than what you achieved, is if it makes you happyAnd if not, instead of regretting it, just get on your way. You still have half of the year to do it! 🙂

MaP_gratitude journal_6

I take to myself some Golden Rules about resolutions and goals, with the purpose of preventing unnecessary stress:

  • If it doesn’t make you happy, ditch it. Life is too short to nurture nuisances.
  • Be positive, because a positive mind is half the way for success and happiness.
  • Don’t be condescending with yourself; be bold in your goals and challenging, for it will push you further.
  • But on the other hand, don’t be harsh on yourself when you did your best, even in failure. Be kind and supportive, because when you’re down that’s what you need.
  • Don’t compare yourself to others, instead compare yourself with the best version of what you want to be.
  • Above all, remember your achievements and be grateful for what you have. It will give you strength to pursue ahead.

Since my new year resolution is on track, as a mid-year task I assigned myself to write a gratitude journal, to celebrate the good things that happened, and to capture the learnings from the not so good things that happened as well. Try it yourself, if you want. It will become a positive summary of your year 😉

Advertisements

One thought on “Gratitude journal

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s